19/01/2021 às 17h56min - Atualizada em 19/01/2021 às 17h56min

Doses de esperança: Cocal do Sul inicia vacinação contra a covid-19

O município recebeu o total de 72 doses na primeira fase; profissionais da saúde serão os primeiros a serem vacinados

Foto: Amanda Farias
O município de Cocal do Sul recebeu as primeiras doses da vacina contra a covid-19 na tarde desta terça-feira (19). Ao todo, vieram 72 vacinas para a primeira fase de vacinação, que serão aplicadas na primeira dose e após 15 dias chegam as demais para a segunda dose. Nesta primeira etapa, serão imunizados trabalhadores da área da saúde que auxiliam no combate ao coronavírus, que possuem acima de 60 anos e que têm comorbidades. Foi assim definido devido ao número restrito de doses que chegaram na cidade. Para buscar as doses, a Prefeitura contou com o apoio de escolta da Polícia Militar do município. 

No momento, a Prefeitura de Cocal do Sul, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, aguarda por novos encaminhamentos, seguindo o Plano Nacional de Vacinação. As vacinas estão sendo aplicadas neste momento da Unidade Central de Saúde. 

“Não chegou a quantidade que esperávamos e, por isso, precisamos ser criteriosos. Decidimos priorizar os profissionais da saúde, acima de 60 anos e com comorbidades; assim que chegarem mais doses, vamos ampliar o leque para os demais profissionais da saúde; posteriormente para as pessoas acima de 75 anos; depois para as forças de segurança; Samu; Bombeiros e assim por diante”, explica o prefeito e atual secretário de saúde do município, Fernando de Fáveri.

O Governo de Cocal do Sul realizou a compra de seis mil doses da vacina contra o coronavírus, que ainda não chegaram ao município. Cada vacina tem o custo aproximado de R$ 58,00 e foram utilizados os recursos destinados ao combate ao coronavírus.  

O médico ginecologista e obstetra Brivaldo de Sousa Pereira, de 68 anos, foi o primeiro sul-cocalense a ser vacinado contra a covid-19. “A primeira sensação foi de alívio, a vacina enfim chegou. E a segunda sensação foi de esperança com a vacina; eu gostaria de reforçar que a vacina é um meio de conter a epidemia, mas não é um tratamento, tem que continuar usando máscara, álcool gel e mantendo o distanciamento social”, ressalta.

Rosiane de Almeida Possamai, enfermeira Unidade Central de Saúde foi a primeira vacinadora do município e teve a missão de iniciar a vacinação em Cocal do Sul. “Foi muito gratificante aplicar a primeira vacina tão esperada e esperamos poder vacinar toda a população de Cocal do Sul”, comenta.





Colaboração: Assessoria de comunicação de Cocal do Sul 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Contato direto
Comercial
Comercial