03/12/2020 às 17h59min - Atualizada em 03/12/2020 às 17h59min

​COVID-19: AMREC pede socorro ao Estado

Em ligação e oficio, a associação solicitou a abertura de novos leitos de UTI na região.

Foto: Antonio Rozeng
A Associação dos Munícipios da Região Carbonífera (AMREC) expediu oficio endereçado ao Secretário de Estado da Saúde, André Motta Ribeiro, solicitando a abertura de novos leitos de UTI na região. As unidades podem ser abertas no Hospital São José e no Hospital São Marcos, de Nova Veneza. Durante a reunião o presidente da AMREC e prefeito de Cocal do Sul, Ademir Magagnin, ligou para o Secretário de Saúde do Estado reforçando os pedidos.

O encaminhamento foi feito na manhã desta quinta-feira (03), em reunião realizada na AMREC, que reuniu além de Magagnin, a coordenadora Comissão Intergestores Regional de Saúde da região da AMREC (CIR-Carbonífera) e secretária de saúde de Nova Veneza, Maristela Vitali Cunico; o vice coordenador da CIR e secretário de saúde de Criciúma, Acélio Casagrande; o diretor executivo da AMREC, Lei Alexandre; o diretor executivo do Consórcio Intermunicipal de Saúde (CISAMREC), Roque Salvan, e servidores da área da saúde de Criciúma e do Estado.

No oficio a AMREC reforça o dado que mostra 91% dos leitos de UTI com ocupação em todo Estado, e que na região está em 100%, sendo que os números são os piores desde o início da pandemia. No documento é feito o pedido justificando-se que a  “abertura de novos leitos é fundamental”, já que existem hoje 10 pacientes na fila, aguardando abertura de leitos de UTI.

Durante a ligação, o secretário de Estado, André Mota Ribeiro, sugeriu a oficialização dos pedidos da região com sugestão. O oficio sugere então, a abertura de 33 novos leitos no total, sendo 10 no Hospital São José; 13 no Hospital de Retaguarda do Rio Maina; e mais 10 no Hospital São Marcos de Nova Veneza.
 
Outros assuntos

Outra questão levantada pelo diretor executivo da AMREC, Lei Alexandre, é a possibilidade de que os hospitais de campanha, caso sejam desativados em outros estados, possam ser remanejados e instalados em nossa região.





 Colaboração: Antonio Rozeng - Assessoria de Imprensa Associação dos Municípios da Região Carbonífera - AMREC
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Contato direto
Comercial
Comercial