16/07/2020 às 19h22min - Atualizada em 16/07/2020 às 19h22min

Rock Solidário: banda Back Over realiza live show em prol da menina Nicole nesta sexta

Live será transmitida pelo YouTube da banda as 20 horas. Nicole é natural de Içara e luta contra a leucemia desde 2018.

Nicole tem 14 anos e luta contra a leucemia.
     Será nesta sexta-feira, dia 17 de julho, às 20h, a grande noite de união e solidariedade em prol da menina Nicole Pereira de Oliveira. Com 14 anos e natural de Içara, ela foi diagnosticada em 2018 com leucemia mieloide aguda (uma doença rara). Nesta corrida contra o tempo, uma Live Solidária está sendo preparada com muita dedicação por um grupo de amigos voluntários. A meta é levantar recursos que cheguem a R$ 15 mil para ajudar a família com as despesas de aluguel, alimentação, água, energia, entre outros.
 
     Nicole está internada no Hospital Infantil Joana de Gusmão, em Florianópolis há meses. Seu pai faz bico de servente de pedreiro e sua mãe precisou sair do trabalho para acompanhar a menina no tratamento.
 
     A Live terá como atração a Banda Back Over que irá embalar a noite de sexta-feira com o melhor do Rock. O encontro também contará com a participação da radialista Patrícia Vaz que conduzirá os trabalhos. Como cenário nada mais e nada menos do que o ambiente da antiga Dioxxy para que o público possa matar a saudade e se sentir dentro de uma verdadeira boate.   
 
     No repertório em três horas de live, além das músicas que marcaram época dos anos 80 até os dias atuais, muita interatividade pelo chat do YouTube no canal da Banda Back Over.  Haverá ainda muitos sorteios de brindes e interação pelo whatsapp (48) 98827 2725. A conexão também pode ser feita pelo perfil no facebook da banda Back Over e todas as informações são encontradas no instagram da banda.
 
 
COMO FAZER PARA DOAR
 
     Para participar desta grande corrente em prol da vida, basta fazer uma doação por meio da vakinha online. Para quem preferir conta bancária, pode fazer a doação por meio da conta poupança:

Agência: 4924
Operação: 013
Conta: 5578-2
Caixa Econômica Federal
Em nome de Elaine Pereira (mãe)
CPF: 496.333.259-00.
 
LIVE REALIZA CAMPANHA PARA DOAÇÃO DE SANGUE E MEDULA ÓSSEA
 
     Logo, Nicole terá data marcada para fazer o transplante, mas ainda não é possível saber se o transplante será realizado em Porto Alegre, Curitiba ou São Paulo. A família terá que morar de 6 a 8 meses em uma dessas cidades, o que envolverá ainda mais gastos. Contudo, as chances para encontrar um doador 100% compatível de medula óssea é muito difícil.
 
     Em função das características genéticas do sistema HLA, esta chance é de 30% entre irmãos e muito menor quando se busca por doadores não aparentados (1 para cada 100  mil pessoas). Por este motivo, existem os Registros de Doadores Voluntários em diferentes países, totalizando mais de 33 milhões de doadores no mundo. O Redome é, hoje, o terceiro maior registro e representa, para os pacientes brasileiros, a maior chance de encontrar um doador não aparentado.
 
     “Nossa intenção é despertar nas pessoas o interesse de ser doador de medula e nos ajudar nesta batalha. A minha filha precisa de muita oração para se manter forte durante o tratamento e conseguir um doador compatível. Já passamos por tanto que a única coisa que desejamos é ver a nossa menina com saúde. A luta é diária e estamos correndo contra o tempo. Agradeço muito a solidariedade de cada pessoa envolvida. Minha filha é muito abençoada e tenho muita fé que Deus nos conduz e nos ampara”, relata a mãe, Eliane Pereira de Oliveira.
 
SAIBA COMO SER UM DOADOR DE MEDULA ÓSSEA:
 
  • Procure o hemocentro de Criciúma (3444-7414 ou 3444-7410) e agende a sua doação. São retirados 10 ml de sangue para avaliar a compatibilidade do doador com pacientes que precisam do transplante.
  • Ter entre 18 e 55 anos de idade e estar em bom estado de saúde. Também não pode ter doença infecciosa  transmissível pelo sangue (HIV ou Hepatites). Além disso, não deve apresentar história de doença neoplásica (câncer), hematológica ou autoimune (como lúpus eritematoso sistêmico e artrite reumatoide).
  • O voluntário à doação irá assinar um termo de consentimento livre e esclarecido (TCLE), e preencher uma ficha com informações pessoais. Será retirada uma pequena quantidade de sangue (10ml) do candidato a doador. É necessário apresentar o documento de identidade.
  • O seu sangue será analisado por exame de histocompatibilidade (HLA), um teste de laboratório para identificar suas características genéticas que vão ser cruzadas com os dados de pacientes que necessitam de transplantes para determinar a compatibilidade.
  • Os seus dados pessoais e o tipo de HLA serão incluídos no Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea (REDOME).
  • Quando houver um paciente com possível compatibilidade, você será consultado para decidir quanto à doação. Por este motivo, é necessário manter os dados sempre atualizados.
  • Para seguir com o processo de doação serão necessários outros exames para confirmar a compatibilidade e uma avaliação clínica de saúde.
  • Somente após todas estas etapas concluídas o doador poderá ser considerado apto e realizar a doação.
     O Hemosc, em Criciúma está localizado na Av. Centenário, 1700 - Santa Barbara e funciona de  segunda a sexta das 7h30h às 18h30. O telefone para agendamento é: (48) 3444-7400, 3444-7414 ou 3444-7410.
 
 
Como participar/acompanhar da LIVE SOLIDÁRIA?
 
- Link da Live: YOUTUBE
- YouTube no canal da Banda Back Over
- Interação pelo whatsapp da Banda: (48) 98827 2725
- Perfil no Facebook: Banda Back Over
- Perfil no Instagram  

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Contato direto
Comercial
Comercial